Procure pela inicial do nome
POPULAR
A B C D E F G H I J K L M
N O P Q R S T U V X W Y Z

Procure pela inicial do nome
CIENTÍFICO
A B C D E F G H I J K L M
N O P Q R S T U V X W Y Z

Nome popular

Jequitibá-rosa, bingueiro, cachimbeira, cachimbeiro, caixão, coatinga, estopa, estopeira, estopeiro, jequitibá, jequitibá rei, jequitibá vermelho, muáambê, pau caixão, pau estopa, pau de cachimbo, pilão de bugio, pito de macaco

Nome científico

Cariniana legalis (Martius) Kuntze
Sinonímia
Cariniana brasiliensis Casar
Couratari legalis Martius

Reino: Plantae
Divisão: Magnoliophyta
Família: Lecythidaceae
Classe: Magnoliopsida
Altura: 10 a 25 metros

Jequitibá-rosa

Por atingir até 50 metros de altura o jequitibá-rosa é considerado a maior árvore nativa do Brasil. Ela ocorre na região sul do Brasil. É árvore-símbolo do estado de São Paulo

Sementes
Coleta e beneficiamento: o fruto deve ser coletado quando muda de coloração e aparecem as primeiras sementes. Após a coleta, são deixados em ambiente ventilado para a abertura. Batendo-se nos frutos, as sementes são extraídas com facilidade. Recomenda-se retirar a asa da semente por ocasião da semeadura.
Quebra de dormência: Não há necessidade.
Longevidade e armazenamento: as sementes mantém a viabilidade integral por até 12 meses, em câmara seca (Temperatura 22 graus e umidade relativa 40%) ou câmara fria (Temperatura 5 graus e umidade relativa 95%).

Produção de mudas
Semeadura: recomenda-se semear duas sementes em recipiente, geralmente saco de polietileno com dimensões mínimas de 20 cm de altura e 7 cm de diâmetro.
Tipo de germinação: plântulas faneroepígeas.
Período de germinação: a germinação dá-se entre 8 e 45 dias após a semeadura.
Faculdade Germinativa: entre 28% e 60%.
Repicagem: Duas a quatro semanas após germinação.
Propagação vegetativa: estacas caulinares, com até 75% de enraizamento, utilizando-se principalmente o AIB (ácido indol butírico). A formação do calo dá-se 3 semanas após o estaqueamento e o enraizamento 6 semanas após a essa operação.
Tempo total em viveiro: no mínimo 6 meses.
Características especiais: recomenda-se poda radicial e poda aérea, nas mudas passadas do jequitibá-rosa, antes do plantio. O crescimento do jequitibá-rosa vária de moderado a rápido.
Suas sementes são muito apreciadas por macacos.

Fonte: Espécies florestais brasileiras-recomendações silviculturais, potencialidades e uso da madeira. (Paulo Ernani Ramalho Carvalho)
Projeto Florescer
Desenvolvendo mudas arbóreas.